Renovação do protocolo entre a Câmara Municipal de Guimarães e a Direção Geral do Consumidor, com a presença do Secretário de Estado da Defesa do Consumidor.

01-JUL-2019

A cerimónia evocativa dos 30 anos do CIAC de Guimarães – Centro de Informação Autárquico ao Consumidor, encerrou esta quinta-feira com a presença do Secretário de Estado da Defesa do Consumidor, João Torres, na renovação de protocolo entre a Câmara Municipal de Guimarães e a Direção Geral do Consumidor.

Foi a 8 de Junho de 1989 que a Câmara Municipal de Guimarães, a Direção Geral do Consumidor, na época Instituto Nacional de Defesa do Consumidor e ainda com a intervenção da CCDRN – Comissão de Coordenação da Região Norte, celebraram um Protocolo de colaboração, a fim de dar à população do Concelho de Guimarães um Serviço que apoiasse e defendesse os interesses dos consumidores.

A vice-presidente da Câmara de Guimarães, Adelina Pinto, destacou que “o CIAC é uma entidade essencial para ajudar a resolver os problemas das pessoas” no âmbito da defesa do consumidor, enaltecendo a articulação com o TRIAVE - Centro de Arbitragem de Conflitos de Consumo do Vale do Ave Tâmega e Sousa. “A Câmara Municipal assume o compromisso de continuar a desenvolver este trabalho”, mencionando a necessidade de reforçar a comunicação deste serviço. “Chegamos a uma parte da população, mas é necessário melhorar a comunicação de forma a que toda a população saiba que existe um serviço disponível para resolver problemas de conflito dos consumidores”, alertou Adelina Pinto.

A visão apontada pela Vereadora da Câmara de Guimarães foi partilhada pelo Secretário de Estado da Defesa do Consumidor. João Torres abordou a “dinâmica de consumo dos portugueses”, assente em primeiro lugar numa “política de defesa do consumidor que é económica” e vincou “o novo paradigma da sustentabilidade ambiental”. O governante elencou ainda a “economia digital” nas preocupações do presente e futuro, destacando os “desafios” como a informação, sensibilização e ainda captação no papel a desempenhar pela defesa dos consumidores.

Em representação da Direção Geral do Consumidor, Ana Catarina Fonseca, realçou as “comunicações muito interessantes” abordadas no Encontro Nacional de Centros de Informação Autárquicos ao Consumidor, que decorreu em Guimarães.

Este Encontro Nacional decorreu no âmbito do 30.º aniversário do CIAC de Guimarães, sendo um modelo único no país e apontado como modelo a adotar por outros CIAC perante os resultados apresentados.


  • Partilhar